sábado, 28 de julho de 2012

[Entrevista] This Gomez!




   Olá, leitores!

  Há algum tempo o Blog Aventuras em Papel e Tinta iniciou um trabalho de entrevistas com blogueiros, e hoje ele será retomado. É com prazer que lhes apresento a blogueira This Gomez, do Canto e Conto!
NikaSanc: Seja bem vinda ao blog, This! Fico muito feliz que tenha aceitado a entrevista. Hoje o meu blog é seu! rsrs
This Gomez: Obrigada pelo convite, Nika, e pela a força ao Canto e Conto ;-) Confesso que é estranho estar do outro lado, sendo entrevistada, hehe.

NS: Primeiro, vamos falar do assunto que nos une, além dos livros: blogs. Desde sempre, acompanho o seu trabalho com o Canto e Conto e o vejo crescer a cada dia mais. E vamos combinar que manter leitores, que são muito diferentes uns dos outros, entretidos, vez ou outra não é uma tarefa fácil. O que você faz para unir "a galera"?
TG: Quando criei o blog, tinha o propósito inocente de expor alguns poemas e contos meus, logo a presença dos seguidores começou como algo espontâneo, despretensioso. Procurei adicionar elementos que atraíssem a interação dos próprios leitores, como as dicas para o álbum nacional, mas os sorteios com jogos e testes e os muitos amigos que fiz (e ainda faço) em redes sociais foi o diferencial.
NS: Vi em um post seu desta semana (dica de leitura) algo sobre a sua velocidade na leitura aumentar cada vez mais. Isso também aconteceu comigo. Além disso, eu comecei a receber dicas de livros e meu gosto também foi mudando - e a estante se enchendo. Outra mudança minha foi comportamental. Antes do blog, eu era quieta, mas mal humorada. Não gostava nem que chegassem muito perto de mim. Ainda sou um tanto quieta, mas agora sou mais sociável, acho que pelo contato com os leitores e tudo o mais. Ter um blog mudou algo em você?
TG: E já mantinha um blog desde 2007, mas nunca fui assídua com os meus posts, e eles eram centrados em crônicas diversas e material da faculdade, mais técnico. Como mencionei, o Canto e Conto acabou surgindo do meu arroubo de coragem em finalmente expor os meus textos, o que vinha adiando há anos. À medida em que ele se desenvolveu, meu ritmo de leitura também se expandiu, não apenas por uma necessidade [a gente sabe como é o ritmo de vida blogueiro], mas por uma nova perspectiva da leitura: antes era um hobby; hoje, encaro-a com mais seriedade. Eu não costumava aproveitar o tempo livre do trabalho com leituras frequentes, diárias. Hoje, não me vejo sem isso: é como uma segunda natureza, assim como escrever =D
NS: Uma coisa que blogueiros costumam fazer é fechar parcerias com autores. Já aconteceu de você não gostar de um livro de um parceiro do seu blog? E para fazer a resenha, complicou? rsrs
TG: Graças a Deus, até hoje, foi o exato oposto: eu tive muita sorte com todos os meus parceiros, que além de serem super gentis, são talentosos demais! Sou fã de todos [Bia, Dan, Flavia, Iracy, Leandro, Mare, Rafael, Ricardo, Roberta e Oriana]! São nomes que vale a pena ter na estante.
NS: Você, assim como eu, teve um conto lançado em uma antologia. Qual foi a sensação que você teve quando recebeu um e-mail que falava da sua aprovação? Você pretende lançar mais contos ou escrever livros?
TG: Eu estava terminando um péssimo dia de trabalho, quando vi meu nome no site da editora. Até aquele dia, eu nunca me sentira tão satisfeita comigo mesma =D A notícia me chegou em um momento familiar difícil, então foi como aquela estrela nova num firmamento conhecido =)
Por enquanto, “Ar de Evasão” e “O Poeta, a Donzela insolente e o Livro do tempo” serão meus únicos contos em antologias. Estou focando todos os esforços e tempo livre no meu projeto literário, que deve estar pronto em 2013 (*.*)
NS: E vamos para a última pergunta, mais polêmica. Quando pensamos em literatura, é automático que idealizemos tudo o que gira ao redor dela. Para cada livro, há um autor, um revisor, um capista, uma editora, dentre outros, e, creio, pelo simples fato de amarmos livros, imaginamos que tudo o que os envolve é perfeito. Nos últimos meses, porém, têm aparecido casos de fraudes no mundo literário - como se escrever um livro e ter o retorno disso no próprio país já não fosse um desafio e tanto. Editoras que cobram dez mil reais ou mais para lançar livros e que, logo após o pagamento do boleto, desaparecem, "estandes fantasmas" em uma e outra bienal, livros com páginas soltas e em branco. Revoltados com a situação, vários autores prejudicados por não apenas uma "editora" estão recorrendo à divulgação desses acontecimentos no Facebook, em seus sites, Twitter e onde mais couber uma denúncia. Uns querem a prisão dos "responsáveis", outros querem apenas ter o dinheiro de volta e deixar essa história de escrever para outra pessoa, abandonar tudo. O que você acha que deve ser feito? Uma "reforma literária" no Brasil?
TG: Nika, apesar de ainda estar na casa dos 20, eu já vi tanto nessa vida que o que realmente me surpreende são as coisas boas e gestos nobres, que são raros. Que se há de fazer com a corrupção, se ela caminhará pelo mundo enquanto o homem povoar a Terra? Sim, há almas corruptíveis em todas as áreas do mercado, mas também existe quem trabalha a sério, e é para essas pessoas e empresas que devemos direcionar a nossa fé e o nosso trabalho. Eu não abandonaria tudo, não. Jamais! Como costumo dizer, cabe a cada um manter seus sonhos vivos, mas eles não têm de ser perfeitos, apenas nos fazer bem. Enquanto isso for bom, autores, continuem em frente. Dificuldades existem, mas é por isso que existe a superação ;-D
NS: Chegamos ao fim da entrevista, This. Agradeço a sua participação no Aventuras e espero tê-la por aqui sempre!
TG: Com prazer, Nika ^^ Adorei as perguntas! Obrigada pela força sempre =)
Beijos a todos os seguidores e leitores do Aventuras <3

   É isso, minha gente! Espero que tenham gostado. Eu adoro a This e admiro muito o blog dela. *o*
   Beijinhos, NikaSanc.



Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

Um comentário:

Canto e Conto disse...

Nika, sua fofa, ficou lindo o post!
(*.*)
Big beijo =**

This

Return to top of page
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML